Torres Vedras

Enquadramento

Em termos de utilização do solo, constata-se que Torres Vedras é um concelho percetivelmente rural, a utilização agrícola (18.334 ha) e a florestal (17.342 ha) representam cerca de 87,6% da área total do Concelho, e as áreas sociais ocupam 4.473 ha (10,9%). No que se refere aos improdutivos e massas de água, essas são as classes menos representativas do território municipal, correspondendo respetivamente a 448 ha e a 119 ha.

Relativamente à ocupação agrícola, as freguesias da Ventosa (2.038 ha), São Pedro da Cadeira (1.665 ha), União das Freguesias de Carvoeira e Carmões (1,338 ha), Freiria (900 ha), Turcifal (1426 ha), Silveira (1250 ha) e Ponte do Rol (488 ha), apresentam-se com mais de metade das suas áreas com este uso do solo. As freguesias do Ramalhal, União das Freguesias de Maxial e Monte Redondo, União das Freguesias de Campelos e Outeiro da Cabeça e Santa Maria, São Pedro e Matacães são as que demonstram menor expressão nesta ocupação.

As freguesias que apresentam maiores áreas ocupadas com povoamentos florestais são o Ramalhal (2.273 ha), União das Freguesias de Maxial e Monte Redondo (2.102 ha), Santa Maria, São Pedro e Matacães (1.593 ha), União das Freguesias de Campelos e Outeiro da Cabeça (1.386 ha) e União das Freguesias de A dos Cunhados e Maceira (1.297 ha). As freguesias que apresentam menor área florestal são as de São Pedro da Cadeira e Ventosa.

A freguesia do Ramalhal e a União das Freguesias de Maxial e Monte Redondo apresentam mais de metade dos seus territórios ocupados por povoamentos florestais, 62% e 55% respetivamente, e a União das Freguesias de Campelos e Outeiro da Cabeça encontra-se com um valor próximo, com 46% da sua área ocupada por floresta. Estas três freguesias, vizinhas entre si, englobam a maior mancha florestal do concelho, que ainda se estende pela União das Freguesias de A dos Cunhados e Maceira, Santa Maria, São Pedro e Matacães, Silveira e Ponte do Rol.

Em termos de área ocupada por incultos, que abrangem os matos e as pastagens, as freguesias de Santa Maria, São Pedro e Matacães (1.698 ha), União das Freguesias de Dois Portos e Runa (1.156 ha) e União das Freguesias de A dos Cunhados e Maceira (855 ha) são as mais representativas, sendo que Ponte do Rol e Freiria são as freguesias com menor área deste tipo de ocupação, com 144 ha e 153 ha respetivamente.

Quadro 1. Uso e ocupação do solo no concelho de Torres Vedras

FREGUESIA

OCUPAÇÃO DO SOLO (ha)

Áreas sociais

Agricultura

Floresta

Incultos

Improdutivos

Superfícies aquáticas

Freiria

116,4

899,7

173,8

152,5

0,00

1,0

Ponte do Rol

170,3

487,9

156,7

143,5

3,2

5,6

Ramalhal

382,4

642,4

2272,9

296,0

83,2

6,6

São Pedro da Cadeira

233,9

1664,6

72,9

340,8

68,3

4,7

Silveira

474,3

1249,6

370,1

321,2

68,9

12,7

Turcifal

247,6

1426,0

325,0

469,5

0,00

1,9

Ventosa

261,1

2038,2

75,7

220,0

0,00

3,0

UF A dos Cunhados e Maceira

624,6

2290,0

1297,0

855,4

153,1

52,3

UF Campelos e Outeiro da Cabeça

324,1

1012,2

1385,7

236,2

18,8

19,2

UF Carvoeira e Carmões

153,1

1337,6

185,9

417,7

0,0

2,5

UF Dois Portos e Runa

203,5

2426,0

562,6

1115,5

13,8

1,0

UF Maxial e Monte Redondo

200,3

1009,3

2101,7

501,7

24,8

0,9

Santa Maria, São Pedro e Matacães

1081,1

1850,8

1593,2

1698,4

13,2

7,3

Município

4472,8

18334,2

10573,2

6768,5

447,5

118,7

 

Fonte: Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios de Torres Vedras 2021 -2030

 

Constata-se que o eucalipto é a espécie florestal mais representativa do concelho de Torres Vedras, uma vez que ocupa cerca de 79% dos povoamentos florestais, num total de 8.392 ha. Em seguida surge o pinheiro bravo, ocupando aproximadamente 7%, e as restantes espécies florestais ocupam os restantes 14% da área de povoamentos florestais, com 1.433 ha.

No quadrante Sudeste do concelho constata-se a existência de uma maior diversidade de espécies florestais e não se verifica a existência de grandes áreas contínuas como nas freguesias a norte. Muitas das áreas de “outras folhosas” são, na sua maioria, compostos por galerias ribeirinhas ou pequenas arborizações.

Os povoamentos de pinheiro-manso apresentam-se distribuídos uniformemente por todas as freguesias, e resultam essencialmente de arborizações dos últimos 20 anos, e as outras espécies resinosas dividem-se essencialmente pelo pinheiro-do-alepo, muito inflamável e presente nas serras calcárias resultante de regeneração natural, e em algumas áreas de ciprestes na freguesia do Turcifal.

As áreas de sobreiro e de outros carvalhos encontram-se em maior expressão nas freguesias do quadrante Sudeste, enquanto que os povoamentos compostos por espécies invasoras, predominantemente acácias, estão localizados junto ao litoral, na União das Freguesias de A dos Cunhados e Maceira e na Silveira.

Documentos


Contactos

Gabinete Técnico Florestal
Telefone: 261 320 769/ 261 320 731
E-mailgtf@cm-tvedras.pt

Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira | 9h00 às 13h00 | 14h00 às 17h00
Horário de atendimento: segunda a sexta-feira | 9h00 às 12h30  

 

Outros contactos úteis:

  • Número Nacional de Emergência: 112
  • SOS Ambiente e Território: 808 200 520
  • Serviço Municipal de Proteção Civil: 261 320 764
  • Bombeiros Voluntários de Torres Vedras: 261 322 122
  • PSP de Torres Vedras: 261 330 770
  • GNR – Posto de Torres Vedras: 261 249 520
  • GNR – Posto de Santa Cruz: 261 930 450
  • ICNF – Instituto de Conservação da Natureza e Florestas: 213 507 900
  • FLOREST – Associação de Produtores Florestais: 914 871 500
  • APAS Floresta – Associação de Produtores Florestais: 262 741 083
  • AFLOESTE – Associação para a Certificação Florestal da Região Oeste: 932 910 001

voltar ao topo ↑