Torres Vedras

Presidente

Carlos Manuel Antunes Bernardes

Tem 50 anos, reside no Turcifal, concelho de Torres Vedras, e gosta de viajar.

É presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras desde 1 de dezembro de 2015.

É também Embaixador Quality Coast e membro do Comité Consultivo Político da CIVITAS Initiative.

Em setembro de 2016 foi nomeado Embaixador Green Destination para a Europa.

Ao longo do seu percurso, participou, em Portugal e no estrangeiro, em várias conferências, seminários, workshops e cursos relacionados com turismo, ambiente, sustentabilidade e mobilidade, entre outras áreas.

Formação Académica:

  • Doutorado em Turismo, no IGOT/ESHTE, Universidade de Lisboa, em 21 de dezembro de 2015;
  • Pós Graduado em Turismo (CFA), pelo IGOT, Universidade de Lisboa, no ano letivo 2011/2012;
  • Licenciado em Gestão de Empresas Turísticas e Hoteleiras, no Instituto Superior Politécnico do Oeste, em 2011.

Experiência Profissional:

  • Presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, desde 1 de dezembro de 2015;
  • Presidente do Conselho de Administração dos SMAS de Torres Vedras desde 1 de dezembro de  2015;
  • Vice-Presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, de 2005 a 2015;
  • Vereador da Câmara Municipal de Torres Vedras dos Pelouros de Ambiente e Serviços Urbanos, de 2003 a 2005;
  • Vereador do Pelouro do Turismo da Câmara Municipal de Sobral de Monte Agraço, de 1997 a 2001;
  • Adjunto e Secretário do Gabinete de Apoio Pessoal ao Presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, de 1994 a 1997;
  • Secretário da Junta de Freguesia do Turcifal, de 1989 a 1997;
  • Funcionário Público, desde 1988;
  • Guia Transferista na Empresa Intercentro, Grupo Eurolines, responsável pela linha de Málaga, de 1986 a 1993.

Torres Vedras: Território com mais proximidade, com maior compromisso!

01.04.2019

No passado mês de março, o Município de Torres Vedras teve a oportunidade de apresentar a Agência Investir Torres Vedras, que irá funcionar no Centro de Apoio ao Empresário da Região Oeste – CAERO. Trata-se de um projeto que tem como missão acompanhar todas as formas de investimento no Concelho, ficando esta Agência responsável pela dinamização do empreendedorismo local e, ao mesmo tempo, pela atração de novos investimentos. Este tipo de medidas e projetos pretendem afirmar Torres Vedras como um território desburocratizado e eficiente na captação de investimento.

Mas este caminho trilhado para a captação de novos investimentos no território apenas fará sentido se for acompanhado por políticas de proximidade para os novos investidores, mas também para todo o nosso tecido empresarial. Falamos de um ativo de mais de 10 000 empresas que, ao dia de hoje, dinamizam este Concelho e o tornam numa referência nacional e internacional.

A aproximação cada vez maior ao tecido empresarial permite, também, que exista uma cada vez maior aproximação ao cidadão. Nesse sentido, é com naturalidade que apresentámos, como é nosso apanágio, um programa de Comemorações do 25 de Abril numa das freguesias do Concelho – a freguesia de Maxial e Monte Redondo. Permitam-me que destaque dois momentos em especial: o Concerto Comemorativo do 25 de Abril, com a atuação da Sociedade Filarmónica Ermegeirense e da Sociedade Filarmónica Incrível Aldeiagrandense, e a exposição do Mestre Eduardo Gageiro intitulada A Liberdade. Para além de tornarem a programação mais rica em conteúdo e diversificada quanto ao público que irá abranger, ambos os momentos permitem engrandecer as comemorações do 25 de Abril!

Este tipo de iniciativas, que visam descentralizar a governação, são parte integrante de um caminho que se pretende trilhar e que se inicia na cidade de Torres Vedras, mas que se prolonga até às nossas freguesias e às nossas tão importantes aldeias.

Também elas contribuíram para que, em 1979, a vila de Torres Vedras tivesse todas as condições para ser elevada à categoria de cidade. 40 anos volvidos, todos nós continuamos a assumir um papel decisivo para o engrandecimento e desenvolvimento desta Cidade e do seu Concelho, apostando cada vez mais na qualidade de vida de todos os torrienses.

voltar ao topo ↑