Torres Vedras

Presidente

Carlos Manuel Antunes Bernardes

Tem 52 anos, reside no Turcifal, concelho de Torres Vedras, e gosta de viajar.

É presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras desde 1 de dezembro de 2015.

É também Embaixador Quality Coast e membro do Comité Consultivo Político da CIVITAS Initiative.

Em setembro de 2016 foi nomeado Embaixador Green Destination para a Europa.

Ao longo do seu percurso, participou, em Portugal e no estrangeiro, em várias conferências, seminários, workshops e cursos relacionados com turismo, ambiente, sustentabilidade e mobilidade, entre outras áreas.

Formação Académica:

  • Doutorado em Turismo, no IGOT/ESHTE, Universidade de Lisboa, em 21 de dezembro de 2015;
  • Pós Graduado em Turismo (CFA), pelo IGOT, Universidade de Lisboa, no ano letivo 2011/2012;
  • Licenciado em Gestão de Empresas Turísticas e Hoteleiras, no Instituto Superior Politécnico do Oeste, em 2011.

Experiência Profissional:

  • Presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, desde 1 de dezembro de 2015;
  • Presidente do Conselho de Administração dos SMAS de Torres Vedras desde 1 de dezembro de  2015;
  • Vice-Presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, de 2005 a 2015;
  • Vereador da Câmara Municipal de Torres Vedras dos Pelouros de Ambiente e Serviços Urbanos, de 2003 a 2005;
  • Vereador do Pelouro do Turismo da Câmara Municipal de Sobral de Monte Agraço, de 1997 a 2001;
  • Adjunto e Secretário do Gabinete de Apoio Pessoal ao Presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, de 1994 a 1997;
  • Secretário da Junta de Freguesia do Turcifal, de 1989 a 1997;
  • Funcionário Público, desde 1988;
  • Guia Transferista na Empresa Intercentro, Grupo Eurolines, responsável pela linha de Málaga, de 1986 a 1993.

Torres Vedras com resposta rápida à COVID-19

01.04.2020

Esta revista foi produzida em tempos conturbados, enquanto o mundo enfrenta um inimigo invisível, o novo coronavírus, causador da doença COVID-19. Estamos lado a lado com a nossa população para ultrapassar este desafio que é novo e desconhecido para todos e para o qual todos têm de dar o seu contributo.

Em Portugal, no dia 2 de março, a Direção-Geral da Saúde confirmou os primeiros casos de infeção por coronavírus. O Município de Torres Vedras, como é seu apanágio, teve resposta célere ao aprovar o Plano de Contingência Interno e ao ativar o Plano de Contingência de Âmbito Municipal. Importa também referir que a Comissão Municipal de Proteção Civil, no dia 12 de março e apesar de não existir, até então, nenhum caso confirmado no Concelho, decidiu também ativar o Plano Municipal de Emergência de uma forma preventiva.

Paralelamente, da estreita colaboração do Serviço Municipal de Proteção Civil com o Delegado de Saúde do ACES Oeste Sul, têm vindo a resultar várias medidas para reduzir os riscos de exposição e contágio da população neste período.

Com o objetivo de apoiar cidadãos especialmente vulneráveis, foi criada uma linha telefónica de apoio psicossocial e o serviço “Ajuda Porta a Porta”, que faz a compra e a entrega de produtos alimentares de primeira necessidade aos munícipes especialmente vulneráveis, designadamente em situações de isolamento, doença mental ou carência.

Foram também convertidos os pavilhões do Sporting Clube de Torres e do Externato de Penafirme em “hospitais de campanha”, cada um com capacidade de 40 camas, e foi adaptado o Pavilhão Multiusos da Expotorres para acolhimento de utentes de lares e outras instituições, com uma capacidade de 31 quartos individuais, para utilização em caso de necessidade.

Funcionam atualmente no concelho duas Áreas Dedicadas COVID-19, uma no Serviço de Urgência do Hospital de Torres Vedras e outra no Centro de Saúde de Torres Vedras, e um centro de testes à COVID-19 instalado no Centro de Educação Ambiental.

Estamos convictos que a resposta que temos TODOS vindo a dar, diariamente, irá tornar o nosso município como uma referencia no país na luta contra a COVID-19. Sublinhe-se que desde cedo que o trabalho desenvolvido no concelho de Torres Vedras envolveu os mais diversos agentes: Serviço Municipal de Proteção Civil, forças de segurança, bombeiros, Hospitais, ACES Oeste Sul, juntas de freguesia, associações, paróquias, empresas, lares, IPSS e estabelecimentos de ensino, entre tantos outros agentes da comunidade. A todos eles o devido reconhecimento e agradecimento público!

E porque temos perfeita noção dos tempos complicados que vão surgir a nível social e a nível económico, encontramo-nos neste momento a preparar um plano municipal de apoio às famílias, às empresas e às associações do concelho de Torres Vedras. Iremos apresentar esse plano durante o mês de abril.

Estamos todos unidos por Torres Vedras, pelo Oeste, por Portugal e pelo Mundo. Por ti, por mim, por nós. Somos todos iguais.

Fiquem em casa! Cumpram com as orientações da Direção-Geral da Saúde.


Carlos Manuel Antunes Bernardes, presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras
voltar ao topo ↑