Torres Vedras

Torres Vedras é membro fundador da Rede de Cidades "European Green Leaf"

06.12.2016

O lançamento da Rede de Cidades European Green Leaf aconteceu na semana transata em Mollet del Vallès com a presença do presidente da Câmara Municipal.

Na ocasião as cinco cidades nomeadas e vencedoras do prémio European Green Leaf nos anos 2015 e 2016 assinaram uma carta de intenção na qual se comprometem a assegurar a qualidade de vida dos seus cidadãos e a preservar o ambiente.

Aquela rede, que conta com o apoio da  Comissão Europeia, é composta pelas mesmas, mais concretamente por: Torres Vedras e Mollet del Vallès (Espanha) que como vencedoras do prémio europeu Green Leaf 2015 coordenam esta nova entidade no seu primeiro ano de funcionamento; Ludwigsburg (Alemanha) e Cornellà de Llobregat (Espanha) como finalistas; e Galway (Irlanda) como vencedora da competição em 2016.

O objetivo desta iniciativa, sob a égide da Comissão Europeia, é criar uma plataforma de comunicação para trocar experiências e partilhar as melhores práticas e modelos aplicados a projetos comuns em torno da sustentabilidade ambiental e qualquer tipo de ações que contribuam para a melhoria da qualidade de vida das populações.

Os presidentes das câmaras municipais de Torres Vedras e de Mollet del Vallés referiram, na cerimónia de criação daquela rede, que "o protocolo que assinamos hoje não é importante, o importante é que os executivos das nossas cidades estão comprometidos com esta rede que promove o ambiente e a sustentabilidade, elementos essenciais para garantir a melhor qualidade de vida nos nossos territórios".

De referir que durante esse dia, Carlos Bernardes assinou o livro de honra de Mollet del Vallés.

Além de serem as duas primeiras cidades europeias nomeadas embaixadoras verdes, Torres Vedras e Mollet del Vallés também têm em comum a participação na rede CIVINET Espanha/Portugal na qual diferentes cidades, universidades, parques tecnológicos e empresas, partilham e trocam experiências em mobilidade sustentável, economia de energia e redução de emissões.

Recorde-se que o European Green Leaf é uma competição promovida pela União Europeia destinada a cidades/municípios com população entre 20.000 e 100.000 pessoas e que reconhece o compromisso para melhorar os resultados ambientais, com particular destaque para os esforços que geram crescimento verde e novos postos de trabalho. Torres Vedras foi no ano transato vencedor da primeira edição deste prémio.

voltar ao topo ↑