Torres Vedras

Torres Vedras acolheu pelo 22.º ano encontro nacional de História de referência

14.05.2019

O abastecimento de alimentos à cidade foi este ano o tema em reflexão no Turres Veteras, que é, recorde-se, um encontro nacional de História de referência, realizado anualmente em Torres Vedras e focado num tema específico.

Na sessão de abertura desta 22.ª edição do evento, realizada no auditório do Edifício dos Paços do Concelho, o presidente da Câmara Municipal frisou a pertinência da referida temática para o estudo dos territórios, tanto mais que Torres Vedras tem na sua matriz o setor primário. Carlos Bernardes acrescentou ainda que novos conceitos relativos à temática abordada no encontro estão a surgir, como o de “bio-regiões”, das quais Torres Vedras faz parte, o que está relacionado com a problemática das alterações climáticas. 

Um conjunto de prestigiados especialistas apresentaram comunicações neste encontro, abordando a temática do mesmo sob diversos primas. Essas comunicações intitularam-se: "O abastecimento da cidade na Idade Média", "O abastecimento de carne na Paris medieval", "O abastecimento de água à vila de Torres Vedras: séculos XIII-XIX", “O mar riquo”: o consumo dos frutos do mar em Sines, uma perspetiva diacrónica", "Do Mediterrâneo para a mesa: comer e beber em Olisipo (séc. II a.C. - II d.C.)", "O abastecimento da cidade de Lisboa na Idade Média", "O abastecimento da corte nas cidades", "Torres Vedras: terra de vinho", "O Concelho de Torres Vedras durante a 2.ª Guerra Mundial (1939-1945): a questão do abastecimento local", "O Açougue de Torres Vedras nos séculos XV e XVI" e "O Matadouro Municipal de Torres Vedras".

De referir também desta 22.ª edição deste encontro de História a atuação do Ruben Monteiro Quarteto, que apresentou o álbum TURRES VETERAS no dia 9 de maio, no auditório do Edifício dos Paços do Concelho, dando início ao evento; o jantar com o tema “Sabores da Expansão” que teve lugar no Claustro do Convento de Nossa Senhora da Graça, no dia seguinte; e o lançamento do livro Caminhos do Rio, no Edifício dos Paços do Concelho, no dia 11, que compilou as comunicações da anterior edição do Turres Veteras, momento que marcou o encerramento da edição deste ano da iniciativa.

55 inscrições foram contabilizadas na mesma.

Turres Veteras é, recorde-se, uma iniciativa organizada pelo Município e pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa que conta com a parceria do Centro de Formação das Escolas de Torres Vedras e Lourinhã. 

Tem como objetivos fundamentais o fomento do estudo e da investigação relativos à História local e regional, assim como a partilha de experiências e de resultados obtidos na área da História da Cultura e Mentalidades, desde o período pré-clássico até ao presente.


voltar ao topo ↑