Torres Vedras

Torres Vedras acolheu o seu segundo ciclo de órgão

14.12.2017

A Igreja da Misericórdia, em Torres Vedras, acolheu o segundo ciclo de órgão de Torres Vedras.

Esta iniciativa teve início em outubro com um concerto de louvor à Virgem Maria, interpretado pelo Coro Magnificat e alunos do Atelier de Órgão da Santa Casa da Misericórdia de Torres Vedras, o qual pretendeu celebrar o centenário das Aparições de Fátima; prosseguiu com um workshop destinado a crianças (com 20 participações), orientado por Filomena Calado, a partir de um conto infantil, o qual pretendeu dar a conhecer de uma forma lúdica o funcionamento do órgão de tubos; com um concerto do agrupamento Ars Eloquentia que proporcionou uma viagem pela música europeia dos séculos XVII e XVIII, acompanhado de cravo e flauta barroca; tendo chegado ao fim no início de dezembro com um concerto de Natal protagonizado pela Escola de Música Luís António Maldonado Rodrigues. De referir que estes concertos, que estiveram lotados, foram comentados, tendo em conta o carácter pedagógico deste ciclo, que foi dirigido por Daniel Oliveira. Foram ainda alvo de transmissão direta on-line.

De referir também que foi intuito deste ciclo destacar a importância do órgão histórico Bento Fontanes (1773) existente na Igreja da Misericórdia, o qual foi restaurado em 2008, explorando-se várias das potencialidades deste tesouro patrimonial.

Este II Ciclo de Órgão de Torres Vedras, que é já considerado um marco cultural da cidade, foi organizado pela Santa Casa da Misericórdia de Torres Vedras e pela Câmara Municipal em parceria com a Escola de Música Luís António Maldonado Rodrigues, Cultur’Canto – Associação Cultural, Paróquia de Torres Vedras e jornais Badaladas e Nova Verdade.