Torres Vedras

Concursos da "Cidade Europeia do Vinho" foram aprovados em reunião de Câmara

15.05.2018

Na reunião do executivo municipal realizada hoje, dia 15 de maio, foi aprovada a realização de dois concursos, ambos integrados no programa "Cidade Europeia do Vinho 2018 – Torres Vedras/Alenquer".

Um deles é o concurso de curtas-metragens “Da Vinha ao Vinho”, o qual procura apoiar a realização de projetos cinematográficos focados na divulgação do património material e imaterial da região relacionado com o vinho e a vinha, nomeadamente nos territórios dos concelhos de Torres Vedras e Alenquer. Este concurso é organizado em parceria com a: COFAC,CRL/Universidade Lusófona; INDIE Lisboa – Associação Cultural; Nau Identidade – Comunicação e Promoção Turística Lda.; e Académico de Torres Vedras. São destinatários do concurso todos os profissionais e/ou estudantes superiores de cinema, podendo os concorrentes apresentar-se individualmente ou em consórcio, ou entidades coletivas. O projeto vencedor receberá um apoio financeiro no valor de €10.000,00, para a produção do filme. Trata-se de uma iniciativa que terá novas edições no futuro.

O outro concurso aprovado na reunião ordinária não pública de hoje do executivo municipal é o Concurso de ldeias de Negócio “Wine Discoveries’, o qual tem o objetivo de apoiar três novos projetos/empresas, em fase seed/startup de desenvolvimento de soluções (produtos, processos e/ou serviços), com aplicabilidade na vinha, no vinho e no enoturismo. A levar a cabo em parceria com a Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Torres Vedras, este concurso tem como destinatários todos os projetos que procurem o desenvolvimento de produtos, processos e/ou serviços inovadores, apresentados por grupos constituídos por 3 ou 4 pessoas, maiores de 18 anos de idade e que demonstrem disponibilidade para integrar o programa de incubação nas instalações da incubadora Torres Vedras Labcenter ou da Alen-Quer Inovar.  Os três projetos vencedores receberão apoios financeiros no valor de €10.000,00 (1.º), €3.500,00 (2.º) e €1.500,00 (3.º), suportados integralmente por aquela instituição bancária.

voltar ao topo ↑