Torres Vedras

Ação climática

Conteúdos desta página

  1. Alterações climáticas em Torres Vedras
  2. Compromissos e redes
    2.1 Pacto dos Autarcas
    2.2 Adapt.Local
    2.3 CDP Cities
  3. Planeamento
    3.1 Plano de Ação para a Sustentabilidade Energética
    3.2 Plano de Ação para a Energia Sustentável e o Clima
    3.3 Estratégia Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas
    3.4 Plano Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas

Alterações climáticas em Torres Vedras

As alterações climáticas são hoje uma realidade, os seus impactos atuais e futuros sobre a sociedade, a economia e os ecossistemas são cada vez mais evidentes e vários estudos científicos demonstram as mudanças no clima.

O Município de Torres Vedras assume o compromisso de integrar as opções de adaptação nos seus instrumentos de gestão territorial e nos seus projetos relevantes, atuar ao nível da redução das emissões de gases com efeito de estufa (GEE), bem como promover ativamente a disseminação de informação e sensibilização, garantindo um forte envolvimento da população, reforço da participação das partes interessadas e a cooperação entre as mesmas.

 

Cenários para o território

As principais projeções climáticas delineadas para Torres Vedras no âmbito da elaboração da Estratégia Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas apontam, entre outras alterações, para um aumento da temperatura média anual, até ao final do século, com um acréscimo acentuado das temperaturas máximas no outono.

Projeta-se ainda um aumento pronunciado do número de dias com temperaturas muito altas e de noites tropicais. As ondas de calor serão mais frequentes e intensas.

No que se refere à precipitação, projeta-se a diminuição da precipitação média anual, sendo mais acentuada no final do século XXI. Com a diminuição do número de dias com precipitação, as secas serão mais frequentes e intensas.

Os impactos sobre a orla costeira do Concelho poderão assumir contornos graves quando a subida do nível médio das águas do mar se encontrar conjugada com a sobrelevação do nível do mar associada a tempestades.

No futuro verificar-se-á ainda um aumento de fenómenos extremos de precipitação intensa ou muito intensa, assim como tempestades de inverno mais intensas, acompanhadas de chuva e vento.


Compromissos e redes

O Município de Torres Vedras considera as alterações climáticas como um dos desafios mais importantes do século XXI. No que respeita aos compromissos europeus e ao percurso do Município em matéria de ação climática e sustentabilidade energética, destacam-se: 

Pacto dos Autarcas

 

Adapt.Local

Torres Vedras é membro efetivo da Adapt.Local desde a sua fundação, tendo integrado o seu Conselho Coordenador e o Secretariado de Gestão no mandato 2017-2021.

CDP Cities

Desde 2018 que o Município de Torres Vedras submete os seus dados ambientais e climáticos na plataforma CDP Cities. No último questionário (2020), a avaliação obtida resultou numa pontuação global de nível “C”, associada a um estado de “Consciencialização”.


Planeamento

O compromisso com a sustentabilidade assumido pela Câmara Municipal de Torres Vedras começou em 1999, com a elaboração do Plano Municipal de Ambiente. Desde então têm sido desenvolvidos diversos instrumentos de planeamento nas várias áreas chave da sustentabilidade, que se encontram perfeitamente articulados com os planos e estratégias no domínio das alterações climáticas e eficiência energética.

Plano de Ação para a Sustentabilidade Energética

Com a adesão ao Pacto dos Autarcas, o Município de Torres Vedras procedeu à elaboração do Plano de Ação de Sustentabilidade Energética, concluído em 2013.

Através da elaboração deste plano, o Município reiterou a sua convicção de que as ações locais são determinantes para a resolução do problema do aquecimento global, assumindo um papel ativo na sua resolução.

Documentos:

 

Plano de Ação para a Energia Sustentável e o Clima

No início de 2021, o Município de Torres Vedras entendeu dar início à revisão do Plano de Ação para a Sustentabilidade Energética, através da elaboração de um plano que contemple objetivos e medidas de mitigação e adaptação.

O Plano de Ação para a Energia Sustentável e o Clima encontra-se em processo de elaboração.

Estratégia Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas

A Estratégia Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas foi elaborada em 2016.

O principal objetivo passou por promover, em todo o território concelhio, uma resposta coerente às múltiplas problemáticas relacionadas com as alterações climáticas e colocar o Município na linha da frente a nível nacional, no que diz respeito a estas matérias.

Documentos:

 

Plano Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas

O projeto “Oeste Adapta – Planeamento da Adaptação Climática Municipal na Região Oeste” é liderado pela OesteCIM - Comunidade Intermunicipal do Oeste, em parceria com o CEDRU - Centro de Estudos e Desenvolvimento Regional e Urbano, Lda e a Vestlandsforsking (Western Norway Research Institute).

O Plano Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas de Torres Vedras será um dos resultados do projeto “Oeste Adapta”.


voltar ao topo ↑