Torres Vedras

Agenda

Concerto Antena 2

Temporada Darcos 2016

Até 9 de novembro 2016 | 19h00

Música

Evento já ocorrido

Local: Adega Santos & Santos- Ribeira de Pedrulhos

Esta atividade integra o programa Festas da Cidade

Em mais um concerto realizado na rota dos vinhos do Oeste, desta vez na Adega Santos&Santos, o Ensemble Darcos apresentará um programa verdadeiramente intemporal, com obras de Beethoven, Ravel e do compositor português Carlos Azevedo, mestre pianista de jazz, mas também um talentoso compositor de música escrita. O Trio de cordas Op. 9, nº1, de L. V. Beethoven, sintetiza exemplarmente o estilo clássico, na tradição de Mozart e Haydn, mas com a semente da música revolucionária que anos mais tarde o mestre vienense criará. Surpreendente, é também o Duo para Violino e Violoncelo, de M. Ravel, obra de uma imaginação brilhante, na qual os dois instrumentos dialogam aventuras inauditas, e a técnica de escrita do compositor francês alcança um nível máximo, chegando onde apenas aos génios é permitido chegar.

M. Ravel (1875-1937)
Sonata para violino e violoncelo, em dó maior
I. Allegro
II. Très vif
III. Lent
IV. Vif

C. Azevedo (1964-)
Labirintho, para violoncelo solo

L.V.Beethoven (1770-1827)
Trio de cordas em sol maior, Op.9 N. 1
I. Adagio
II. Scherzo
III. Presto

ENSEMBLE DARCOS
Nuno Inácio, flauta
Gaël Rassaert, violino
Filipe Quaresma, violoncelo
Marcos Magalhães, cravo





A Temporada Darcos 2016, na sua nona edição, apresentará nas cidades de Torres Vedras, Lisboa e Almada, nove programas entre concertos sinfónicos, vocais e de câmara.
Em parceria com o Centro Cultural de Belém, as orquestras espanholas Real Filharmonía de Galiza e Orquesta Ciudad de Granada, apresentam-se pela primeira vez em Lisboa e Torres Vedras, onde interpretarão dois programas contrastantes, com direção musical de Nuno Côrte-Real; nestes dois concertos, que terão lugar respetivamente em Janeiro e Outubro, serão ainda solistas o baixo Nicola Ulivieri (interpretando árias de Mozart, Verdi e Rossini), o violinista Massimo Spadano (interpretando o concerto de Schumann), e o soprano Dora Rodrigues (na estreia da versão orquestral do ciclo “Livro de Florbela”, de Côrte-Real). Nota importante é a homenagem da Temporada Darcos ao compositor António Vitorino D’Almeida, celebrando os seus 75 anos com a estreia absoluta pela Real Filharmonía de Galiza, da obra sinfónica “Ondas do mar de Vigo”, encomenda da Temporada Darcos.
De destacar ainda o convite ao aclamado pianista António Rosado, na interpretação do Concerto para Violino, Piano e Quarteto de Cordas, de Chausson, conjuntamente com Massimo Spadano e o Ensemble Darcos. O Ensemble Darcos prosseguirá a sua atividade de excelência, interpretando as mais importantes obras de câmara da história da música ocidental, assim como a estreia absoluta do ciclo para coro e ensemble, Novíssimo Cancioneiro – livro segundo, de Côrte-Real, dedicado ao Cante e aos cantares de Serpa. De destacar, por último, a apresentação da ópera Hansel & Gretel, de E. Humperdinck, numa versão portuguesa de Alexandre Delgado, com encenação de Mário João Alves.

A Temporada Darcos 2016, tem o apoio institucional da  Câmara Municipal de Torres Vedras, Centro Cultural de Belém, Teatro Municipal Joaquim Benite, RDP-Antena 2, Direção Geral das Artes/Secretaria Estado da Cultura e Embaixada de Espanha.

Programa