Torres Vedras

Agenda

Tertúlia "Independência ou morte!" A independência do Brasil na imprensa portuguesa (1822)

Até 24 de setembro | 19h00

Debate/Seminário

Evento já ocorrido

Local: Biblioteca Municipal de Torres Vedras

A independência do Brasil, a 7 de setembro de 1822, ocupou várias páginas dos periódicos portugueses, com jornais a favor e contra a separação das nações que compunham o reino unido de Portugal, Brasil e Algarves. As discussões noticiadas na imprensa escrita marcavam a crescente divisão ou polarização da vida política, que se refletiria nas eleições legislativas de 22 de novembro de 1822, as únicas eleições realizadas na vigência da Constituição de 1822.

Esta tertúlia tem por objetivo compreender como é que os jornais que circulavam em Portugal nessa época, (1) percecionaram a separação política da colónia brasileira, (2) qual a estratégia discursiva que usavam antes e depois da independência do Brasil e (3) que influência tiveram na sociedade portuguesa? A resposta a estas questões permite-nos perceber como é que era feita a mediação jornalística no início do século XIX, bem como o papel que os periódicos tinham na criação de um espaço mediático e na formação de uma opinião pública e publicada, ainda que restrita ao “público letrado”.

 

Álvaro Costa de Matos
Licenciado em História, pós-graduado em História Regional e Local e mestre em História Contemporânea pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.

Professor na Católica Lisbon School of Business & Economics da Universidade Católica Portuguesa e assessor cultural do Diretor Municipal de Cultura da Câmara Municipal de Lisboa.

Historiador do Instituto de Comunicação da NOVA/FCSH e Investigador do Pólo “História, Territórios e Comunidades” na NOVA/FCSH do Centro de Ecologia Funcional da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra.

Editor de vários livros e autor de vários capítulos, artigos, recensões críticas e verbetes publicados em livros, actas de colóquios, dicionários e revistas de história, jornalismo e comunicação social, tendo realizado, ao longo da sua vida académica e científica, dezenas de conferências em congressos nacionais e internacionais.

Colaborador regular das revistas Jornalismo & Jornalistas, História, e Media e Jornalismo. Colaborador quinzenal do jornal Badaladas (coluna “Tempo Presente”).

Áreas de interesse como historiador: História Política Contemporânea, História das Ideias Políticas, História do Jornalismo, dos Jornais e dos Jornalistas, História da Imprensa Periódica e da Censura, História da Caricatura, do Desenho Satírico e Humorístico.

Foi director da Hemeroteca Municipal de Lisboa (1997 –2014), coordenador do Gabinete de Estudos Olisiponenses (2005–2007), professor convidado no Instituto Superior de Línguas e Administração (ISLA–Lisboa) no Curso de Pós-Graduação de Ciências da Informação e Documentação (2008-2012) e professor convidado na Escola Superior de Polícia no Curso de Promoção a Oficiais (1999-2001).

Orador: Álvaro Costa de Matos, ICNOVA - Instituto de Comunicação da NOVA e HTC — CFE — Nova FCSH


Atividade Gratuita


Biblioteca Municipal de Torres Vedras

Segunda-feira: 14h00 às 18h30
Terça a sexta-feira: 10h00 às 18h30
Sábado: 14h00 às 18h00

Largo Justino Freire Nº 9
2560-636 Torres Vedras

261310460
biblioteca@cm-tvedras.pt
Localização Google Maps


Publicado: 26.08.2022 - 15:43 horas
voltar ao topo ↑