Torres Vedras

Agenda

Maria Mater Gratiae

Concerto de Ano Novo

5 de fevereiro de 2022 | sábado | 17h00

Música Capella Vocale Magnificat

Local: Igreja da Misericórdia, Torres Vedras

Um concerto intensamente espiritual, dedicado a Nossa Senhora onde serão escutadas composições musicais  de consagrados autores como Charles Gounod, Tomás Luís de Victória ou João Andrade Nunes. Lembrando assim compositores do passado mas também a escrita contemporânea.

A música vocal em diálogo com a música para órgão de várias escolas e épocas, onde o público pode experiênciar a intensidade composicional de louvor a Maria, mãe de Cristo.

Contando com a presença do prestigiado organista espanhol, Angél Hortas Pascual (organista titular da Catedral de Jerez de la Frontera) e da Capella Vocale Magnificat, este concerto é uma forte homenagem a todas mães e mulheres do mundo inteiro, bem como uma homenagem à "Música no Feminino".

Direção: João Carlos Perdigão
Capella Vocale Magnificat
Angél Hortas Pascual, organista titular da Catedral de Jerez de la Frontera - Espanha


Atividade Gratuita


"Uma vez mais, durante os meses de novembro, dezembro e janeiro, o Ciclo de Órgão volta à cidade de Torres Vedras com dinamismo, boa energia, valorizando e honrando o património histórico da Cidade, nomeadamente a Igreja da Misericórdia e o seu órgão histórico "Bento Fontanes" de 1773, contando com a organização conjunta da Santa Casa da Misericórdia de Torres Vedras e da Câmara Municipal de Torres Vedras.

Fazendo já parte da vida cultural torriense, este evento dialoga com a sociedade, com a história e as origens, com repertórios de várias tradições e épocas, bem como faz pontes entre o ligeiro e o clássico, o antigo e o contemporâneo, sempre em nome de uma cultura de todos e para todos.

Contemplando três grandes concertos ao longo dos meses de novembro, dezembro e janeiro, o órgão histórico da Igreja da Misericórdia será o anfitrião desta festa da arte organística, convidando instrumentos como o oboé barroco ou fazendo ecoar música de destacados compositores desde o século XVIII até aos nossos dias.

De destacar a presença do prestígiado oboísta Luís Marques, músico na Orquestra Sinfónica Portuguesa, bem como a presença do organista internacional Angél Hortas, organista titular da Catedral de Jerez de la Frontera (Espanha), que se associará à Capella Vocale Magnificat num interessante concerto dedicado à figura de Nossa Senhora, não esquecendo a juventude torriense que se apresentará pelo Conservatório de Música da Física de Torres Vedras num quente concerto natalício.

Durante o mês de novembro, os torrienses estão todos convidados para os habituais mini-concertos da hora de almoço, às quintas feiras pelas 13h15, onde o público pode escolher o que quer ouvir, perante um cardápio musical bem variado, num ambiente bem familiar e informal.

Durante o ano de 2022, segue ainda um conjunto de atividades pedagógicas junto das escolas do Concelho, mostrando este instrumento aos mais novos, bem como um concurso nacional de órgão, realizado em parceria com o Conservatório de Música da Física de Torres Vedras Luís António Maldonado Rodrigues.

Música e educação é quase um lema deste ciclo, onde a componente formativa está sempre presente, sensibilizando e dando a conhecer junto do grande público o património, músicos, compositores, estilos e estéticas e onde todos os concertos são comentados e contextualizados.

Sempre com os devidos cuidados face à situação ainda delicada que vivemos, que a música seja sempre um alimento salutar da nossa sociedade, que transforme e humanize cada vez mais o nosso mundo." Daniel Oliveira, diretor artístico

 

Organização: Câmara Municipal de Torres Vedras e Santa Casa da Misericórdia de Torres Vedras
Parceria: Paróquias de Torres Vedras; Patriarcado de Lisboa; Conservatório de Música da Física Luís António Maldonado Rodrigues e Cultur'Canto - Associação Cultural

Última atualização: 12.01.2022 - 09:57 horas
voltar ao topo ↑