Torres Vedras

Agenda

Ode Marítima

Companhia João Garcia Miguel e Danças Ocultas

Até 13 de novembro 2020 | 21h30 às 22h45

Música Ode Marítima

Evento já ocorrido

Local: Teatro-Cine de Torres Vedras
Destinatários: M/12

Esta atividade integra o programa Festival Acordeões do Mundo 2020

“(…) Ó clamoroso chamamento
A cujo calor, cuja fúria fervem em mim
Numa unidade explosiva todas as minhas ânsias
Meus próprios tédios tornados dinâmicos, todos!…
Apelo lançado ao meu sangue
De um amor passado, não sei onde, que volve
E ainda tem força para me atrair e puxar,
Que ainda tem força para me fazer odiar esta vida
Que passo entre a impenetrabilidade física e psíquica
da gente real com quem vivo (…)”

Álvaro de Campos

 

"Esta aproximação à obra de Álvaro de Campos é uma aventura sobre a linguagem e as suas constelações sonoras. Por isso convidei os Danças Ocultas a estarem envolvidos na criação. O convite estendeu-se ao Alexandre Coelho e ao Alberto Lopes anteriores cúmplices. Afastando-nos de uma leitura direta e naturalista abrem-se um vasto leque de opções onde a abstração e a geometria latente e suspensa nas entrelinhas do texto e suas desmultiplicadas narrativas nos podem guiar.

Os desdobramentos de diálogos entre a infância e o mestre (entre Álvaro e Caeiro), entre o jogo de locais conhecidos e desconhecidos (o cais e os horizontes longínquos — os mares e costas por explorar e descobrir), de geografias que são tanto interiores como exteriores: territoriais e ou humanas (das tias aos piratas, ao amigo inglês), das máquinas e progresso e dos seus símbolos aliados do movimento (o volante, os barcos, as faturas, velas, escotilhas, ventoinhas) — tudo são linhas abertas à descoberta de linguagens cénicas e desafios que nos colocamos.

Um só ator acompanhado de quatro músicos será o material humano a partir do qual se construirá o debito cénico. O som, a luz e a espacialização cénica — e a eterna ironia — serão os elementos desta encenação sobre os quais incidirão os cuidados e as atenções sempre intensificados dentro das linhas de pesquisa e experimentação que o percurso da companhia vem percorrendo."  João Garcia Miguel

Encenação e interpretação: João Garcia Miguel
Criação e interpretação musical: Danças Ocultas
Iluminação e direção técnica: Alexandre Coelho
Sonorização: Nuno Rebocho
Assistente à dramaturgia: Alberto Lopes
Assistente de encenação: Roger Madureira
Assistente técnico: Luís Gomes
Figurinos: Rute Osório de Castro
Direção de produção: Georgina Pires
Produção e vendas: Janine Lages
Apoio: Teatro Ibérico | Rita Costa
Imagem fotográfica: Mário Campos Raínha
Assessoria de imprensa: The Square – Raquel Alfredo
Apoio Técnico: AUDEX
Agradecimento: Bruno Reis pela cedência do espaço Gretua para a realização de ensaios.
Companhia João Garcia Miguel tem o apoio financeira da DGARTES, Governo de Portugal
Uma coprodução Teatro Aveirense - Aveiro | Teatro Cine de Torres Vedras | Teatro Ibérico - Lisboa
Apoios: Junta de Freguesia do Beato | IEFP
Crédito fotográfico: Mário Campos Raínha


Lotação: 195
acesso a público com mobilidade condicionada
Preço: 5 €
Comprar Bilhetes
Evento no Facebook

Teatro-Cine de Torres Vedras

Horário de funcionamento
Em dias de espetáculo:
De quinta-feira a sábado: a partir das 17h00
Exceto espetáculos ao domingo à tarde: uma hora antes do espetáculo

Av. Tenente Valadim, n.º 19
2560 Torres Vedras

261338131
teatro.cine@cm-tvedras.pt
Localização Google Maps


Celebramos, em 2020, a 17.ª edição deste festival que voltará a invadir a cidade de sonoridades bem acolhedoras. Não perca os grandes concertos que terão lugar no Teatro-Cine e que marcam Torres Vedras no roteiro musical internacional.

Última atualização: 12.11.2020 - 17:24 horas
voltar ao topo ↑