Torres Vedras

Agenda

Open Stage

1 de agosto de 2020 | sábado | 21h30

Dança Open Stage

Evento já ocorrido

Local: Plataforma adjacente à escadaria Júlio Vieira, Santa Cruz

Esta atividade integra o programa Onda de Verão

Assista ao espetáculo Open stage no dia 1 de agosto, às 21h30, na plataforma adjacente à escadaria Júlio Vieira, Santa Cruz.

O Open stage surge como uma proposta de um novo formato, em que se abre a possibilidade de um palco incluir materiais performativos mais improvisados, instantâneos, e menos conotados como peças de dança, mantendo sempre a ideia de solos duetos e trios como premissa e presença no espaço de apresentação.

 


Atividade Gratuita


Lotação: 28
acesso a público com mobilidade condicionada

Multiplicidades

A proposta do evento Multiplicidades - Festival Internacional de Artes Performativas, em continuidade e conformidade à sua primeira edição (2019), é criar uma plataforma com base na diversidade e multiculturalidade do grupo de jovens que estudam e desenvolvem as suas criações artísticas na Performact.

Este acontecimento escolhe mais uma vez Santa Cruz para a segunda edição que, para além de servir de palco e inspiração primordial para o evento, dá também a possibilidade de tornar os espetáculos ao ar livre uma experiência única e segura.

Esta edição, que decorre de 26 de julho a 2 de agosto, na plataforma adjacente à escadaria Júlio Vieira, resume-se a conjuntos de peças com 1 a 3 performers em palco, reunindo um conjunto de solos, duetos e trios, bem como materiais de vídeo.

Assista aqui ao vídeo promocional do Multiplicidades - Festival Internacional de Artes Performativas.

 

Organização: Associação ILU
Produção: Performact e alunos do 2º ano de formação
Co-produção: Câmara Municipal de Torres Vedras

 

Performact

Performact é um curso de intérprete em dança contemporânea criado para preparar bailarinos com um rigoroso plano de ensino orientado para o desempenho de palco. Os candidatos, não só poderão trabalhar as suas próprias técnicas corporais com vários professores de renome, como também receberão conhecimentos complementares de produção de palco, entre outras ferramentas essenciais para a maneira como cada um deles percebe o próprio palco.

Este programa está distribuído por dois anos de formação, aulas e processos de criação. No primeiro ano, os participantes estarão em contato com vários coreógrafos, professores e bailarinos que partilham não apenas a sua técnica, mas também a sua própria forma de perceber o bailarino/intérprete e a relação com o palco.

O segundo ano segue a diretriz estabelecida no primeiro, com uma ligeira mudança de foco para a independência dos participantes, e sua capacidade de utilizar os conhecimentos adquiridos em benefício próprio e a respetiva criação e apresentação das suas próprias peças.

 

Direção: Gonçalo Lobato e Ricardo Ambrózio
Produção: Martina Ambrózio

Última atualização: 24.07.2020 - 15:50 horas
voltar ao topo ↑