Torres Vedras

Pastel de Feijão de Torres Vedras

Com origem na receita familiar de D. Joaquina Rodrigues da Silva, a sua sobrinha-neta Maria Adelaide Rodrigues da Silva, intimamente conhecida por Mazinha, aprende a arte de confecionar a iguaria gastronómica de Torres Vedras: o Pastel de Feijão.

Do casamento de Maria Adelaide Rodrigues da Silva com Álvaro de Fontes Simões, alcunhado de Pantaleão, conhecido pelo seu caráter empreendedor, resulta na exploração dos Pastéis de Feijão de forma comercial, fazendo surgir a primeira marca – "Maria Adelaide Rodrigues da Silva". Com o alcance do grandioso sucesso de produção que se estendeu além da região de Torres Vedras, dos descendentes desta união, surgem as primeiras fábricas, a "Coroa" e a "Brasão". O Pastel de Feijão de Torres Vedras encontra-se atualmente em fase de qualificação como produto IGP (Indicação Geográfica Protegida), contando com um universo com cerca de 30 produtores.

Para provar este doce tradicional, não deixe de visitar um dos produtores!