Torres Vedras

Comissão Municipal da Juventude

De acordo com o artigo 2º (competências) do Regulamento da Comissão Municipal da Juventude, cabe a esta comissão: “(…) pronunciar-se sobre as políticas, projetos e programas na área da juventude, apresentando para o efeito propostas e sugestões à Câmara Municipal de Torres Vedras sobre atividades nessa área, bem como emitir pareceres sobre assuntos que lhe sejam apresentados pela autarquia, nomeadamente:

  1. Informar a Câmara Municipal de Torres Vedras dos problemas dos jovens do concelho que requeiram apoios ou iniciativas camarárias que sejam da competência municipal;
  2. Dar parecer sobre o plano anual de atividades da Câmara Municipal de Torres Vedras que lhe seja submetido e pronunciar-se sobre o relatório de atividades que lhe seja apresentado no que respeita à sua incidência nos jovens;
  3. Debater temas de âmbito mais vasto que o municipal e que se prendam com a situação juvenil;”

Todos os anos são definidas orientações estratégicas para a Comissão Municipal da Juventude (CMJ), devendo esta comissão debater e formular propostas sobre temáticas diversas, espelhadas em ações concretas, como os seguintes projetos:

 

“Armário de Histórias – Exercícios de voz…lápis e cor” iniciativa no âmbito do Ano Europeu do Envelhecimento ativo e da Solidariedade entre gerações (2012)

Desenvolvido em parceria com a Fábrica das Histórias – Casa Jaime Umbelino e Comissão Municipal da Juventude, o Projeto gira em torno de três núcleos essenciais: contação, escrita e ilustração; dentro dos quais se têm realizado oficinas formativas com o intuito de atribuir e desenvolver métodos e técnicas. Posteriormente criar-se-á um núcleo para cada uma destas áreas, que serão alimentados por histórias escritas, contadas e ilustradas por jovens, sendo estes responsáveis pela sua disseminação junto de diversas entidades espalhadas pelo Concelho de Torres Vedras (escolas, centros de dia, jardins-de-infância, entre outros), potenciando-se a formação de pontes intergeracionais.

 

“A Política Contada aos Jovens- Cidadania e Participação Cívica”

Com a criação deste Projeto pretende-se contribuir para a aquisição de competências pessoais e sociais dos jovens torrienses fomentando o exercício de cidadania ativa e participação política responsável. Segundo dados do Estudo de Caracterização da Juventude do concelho de Torres Vedras “Os jovens torrienses têm pouca atenção e participação na vida política, apontando como motivos a reduzida informação sobre política dirigida aos jovens”. Deste modo, e considerando que a educação e a participação política dos mesmos são duas variáveis que se interligam entre si, o principal objetivo do plano de formações proposto é fomentar e promover uma cidadania e participação cívica ativa, bem como um maior envolvimento e formação nas questões relacionadas com a política.

Sessões:

Sessão 1: ‘O Estado e o Poder Político em Portugal’
Sessão 2: ‘Jovens e Política: que relação?’
Sessão 3: ‘Os Direitos Humanos no contexto do mundo atual’
Sessão 4: ‘Portugal – Estado Membro da União Europeia’
Sessão 5: ‘Ser cidadão Europeu’
Sessão 6 :‘A evolução do conceito de Cidadania’

 

Mês das Associações

(brevemente disponível)

 


Composição da CMJ

A CMJ é composta por um representante de (artigo 3º - constituição):

  1. cada Associação de Estudantes com sede no Concelho de Torres Vedras;
  2. Corpo Nacional de Escutas pertencente a um agrupamento do Concelho;
  3. Associação de Escoteiros de Portugal pertencente a um grupo do Concelho;
  4. cada Juventude Partidária do Concelho;
  5. cada Associação Juvenil do Concelho, legalmente constituída;
  6. vereador que tiver a tutela da Juventude na orgânica da Câmara Municipal de Torres Vedras;

Documentos