Torres Vedras

O Rei manda… Brincar

O projeto “O Rei manda… Brincar” surge da necessidade de criar mais oportunidades de tempo e espaços para as crianças brincarem.

É importante lembrar que brincar é um comportamento ancestral com benefícios essenciais para o desenvolvimento humano, uma ferramenta poderosa para crescer e aprender, a melhor forma de expressão de uma criança. Contudo, tem-se verificado, nas últimas décadas, um declínio do brincar. É um ato cada menos social, menos rico em termos de experiências motoras, sociais, emocionais e cognitivas. Brinca-se cada vez mais só, mais fechado em casa, mais sentado no sofá, mais em frente a um ecrã. Não se brinca na rua, não se conhecem os vizinhos do lado, não existem os grupos da rua ou do bairro, não se sobem às árvores, não há ruído das crianças a brincar na rua. As crianças são mini adultos com agendas carregadas de manhã à noite, não têm tempo nem liberdade para brincar.

Sabendo hoje que é a brincar que a criança mais aprende, o Município de Torres Vedras tem contribuído para levar esta ideia para a escola, para a rua, para a casa das famílias, de forma a ajudar a criar crianças mais felizes e mais preparadas para o nosso mundo.

É a brincar que a criança constrói conhecimento, compreende o mundo, compreende-se a si própria e os outros. Brincar é para todas as idades, pode e deve acontecer a qualquer momento e em qualquer lugar. Brincar é um assunto sério e, por isso, apelamos a todas as famílias que ajudem as crianças a ter mais oportunidades de tempo e de espaço para poderem brincar, sobretudo em liberdade e ao ar livre.

“O Rei manda…. Brincar”, acontece, assim, em diversos momentos ao longo do ano letivo onde se propõe uma invasão de brincadeiras e brincadores que se apropriem dos espaços públicos, que são espaços de e para todos.

Não existem atividades orientadas, sendo o objetivo principal permitir que as crianças explorem os objetos e materiais que encontram de forma livre e espontânea. Nos locais onde decorre esta atividade estão presentes professores da atividade de enriquecimento curricular Um Dó Li Tá que facilitam estas brincadeiras, num papel apenas de orientadores e promotores do brincar.


voltar ao topo ↑