Torres Vedras

Projeto “Juntos APECI e Associação Salvador” foi apresentado

11.04.2018

A Associação Salvador e a APECI (Associação para a Educação de Crianças Inadaptadas de Torres Vedras), com o apoio da Câmara Municipal, apresentaram no dia 9 de abril, no auditório do Edifício dos Paços do Concelho, o projeto “Juntos APECI e Associação Salvador”.

Trata-se de um projeto com dois objetivos essenciais: por um lado a sensibilização da comunidade para o respeito e a inclusão das pessoas com deficiência; por outro, de forma mais efetiva, propõe a angariação de fundos para a APECI e a Associação Salvador, melhorando a qualidade de vida das pessoas com deficiência.

Naquela ocasião, o presidente da Câmara Municipal, Carlos Bernardes, recordou que Torres Vedras é o único município nacional a pertencer à rede europeia para a economia social, reafirmando o empenho do Município em apoiar a concretização do plano de ações previsto para o projeto que estava a ser apresentado.

Já Salvador Almeida, presidente daquela primeira associação, que com 16 anos ficou com a sua mobilidade condicionada devido a um acidente de motociclo, realçou a importância de se realizar iniciativas que ajudem a que a população com necessidades especiais possa ter uma vivência semelhante à dos outros cidadãos.

O projeto apresentado, que decorre no concelho até junho, e será replicado em outros locais do país, pretende a mobilização das “forças vivas”, instituições, empresas, organizações, clubes e cidadãos em geral, de forma a se criarem equipas que desenvolvam iniciativas de sensibilização e angariação de fundos.

Os fundos obtidos terão como destino o apoio à APECI para a construção de um lar para seniores com deficiência intelectual, bem como à associação Salvador no âmbito dos seus diversos projetos, nomeadamente a promoção e apoio ao desporto adaptado.

No âmbito deste projeto já está previsto um conjunto de ações em diversas áreas, nomeadamente desportivas (um jogo com algumas “estrelas” do futebol, torneios de hóquei em patins e de ténis, passeios de bicicleta…), culturais (um concerto solidário, leilões de arte, teatro de revista, noite de fados…) e lúdicas (almoços e piqueniques solidários, logos humanos, concentração motard, aulas de zumba…).  

Mais informação sobre esta iniciativa pode ser obtida no respetivo facebook.