Torres Vedras

Grande Prémio Internacional de Ciclismo de Torres Vedras teve a sua 36.ª edição

23.07.2013

O melhor ciclista português de sempre foi mais uma vez homenageado com a realização de uma já tradicional prova em sua memória: o Grande Prémio Internacional de Ciclismo de Torres Vedras – Troféu Joaquim Agostinho, que teve a sua 36.ª edição.

119 corredores de 16 equipas, 6 das quais estrangeiras (oriundas de Espanha, Luxemburgo e Itália) participaram nesta edição da competição, que se desenrolou entre os dias 19 e 21 de julho, em estradas da Estremadura e do Ribatejo.

O concelho foi de novo o “epicentro” da prova, tendo no mesmo começado a sua primeira etapa (na Silveira, o que foi antecedido de uma romagem à campa de Joaquim Agostinho, a que se seguiu uma passagem pelas Brejenjas, terra natal deste malogrado ciclista, onde foi inaugurado um busto do mesmo). O troféu prosseguiu com uma etapa que terminou em Torres Vedras, tendo no decorrer da mesma um pelotão de cidadãos atravessado a zona central desta cidade, numa ação que pretendeu promover as bicicletas públicas de Torres Vedras (denominadas “Agostinhas”). A competição terminou com a sua “etapa-rainha”, concluída no Parque Eólico da Carvoeira, onde se sagrou vencedor da mesma o espanhol Eduard Prades (da equipa OFM-Quinta da Lixa)

Referencia ainda, no âmbito deste Grande Prémio Internacional de Ciclismo de Torres Vedras, para a realização da segunda edição do Memorial Joaquim Agostinho, uma iniciativa aberta a todos os “amantes” do ciclismo, que contou com cerca de 100 participantes, que cruzaram a meta da última etapa da prova antes da sua conclusão.

O Grande Prémio Internacional de Ciclismo de Torres Vedras – Troféu Joaquim Agostinho foi mais uma vez organizado pela União Desportiva do Oeste em estreita colaboração com a Câmara Municipal.

Mais informação sobre o evento pode ser consultada no seu site (acessível em: www.trofeujoaquimagostinho.com)

voltar ao topo ↑