Torres Vedras

Foliões seniores divertiram-se com a portugalidade

01.03.2019

Depois dos “miúdos”, os “graúdos”.

Terminado o Corso Escolar ao final da manhã, a tarde de hoje do Carnaval de Torres foi animada pelo Baile Máscaras Tradição. Cerca de mil seniores, a maioria utentes de aproximadamente 30 instituições dos concelhos de Torres Vedras, Mafra, Lourinhã e Sobral de Monte Agraço, mas também outros da comunidade que compareceram espontaneamente, participaram nesta atividade integrada na Festa Sénior.

Zés Povinhos, nazarenas, “doutores Bayards”, Amálias, licores de pastel de feijão, “saloios”, sardinhas de conserva, azulejos, peixeiras… foi vasta e diversa a “fauna” carnavalesca que brincou em espírito “Made in Portugal” (o tema deste ano do Carnaval de Torres).

16 grupos, num total de cerca de 320 seniores, participaram no concurso de grupos de mascarados deste baile que teve como vencedores “Os Poetas Lusos” do Lar de S. José. Receberam menções honrosas também na ocasião os grupos do Centro Social Paroquial da Silveira (com o tema “Mais apertado que sardinha em lata”) e do Clube Sénior do Turcifal (com o tema “Regiões de Portugal”). Fizeram parte do respetivo júri Ana Umbelino (em representação da Câmara Municipal de Torres Vedras), Dalila de Jesus (em representação da Real Confraria do Carnaval de Torres Vedras), Manuel Miranda (em representação dos Ministros & Matrafonas) e Cláudia Luís (em representação das instituições particulares de solidariedade social da região Oeste).    

Este Baile Tradição terminou como começou, com animação levada a cabo pelo duo Ana e Luís Vicente, tendo ainda contado com atuações de Zés Pereiras e Cabeçudos, bem como de um “cavalinho” e de majorettes vindos de Villenave d’ Ornon (município geminado com Torres Vedras), para além de intervenções do presidente da Câmara Municipal, Carlos Bernardes, e do “casal real” que este ano marcou presença no momento do Carnaval de Torres dedicado de forma mais especial aos foliões seniores.

voltar ao topo ↑