Torres Vedras

Beatriz Silva, Rainha das Vindimas 2017

06.09.2018

Todos os anos o Festival das Vindimas percorre o Concelho com eliminatórias a decorrerem em todas as freguesias. Nestas eliminatórias elegem-se as 13 candidatas que disputam nas Festas da Cidade o título de Rainha das Vindimas, representando assim o concelho de Torres Vedras a nível nacional. 

Com as eliminatórias do Festival das Vindimas quase a começar, fomos conhecer Beatriz Silva, Rainha das Vindimas em 2017. 

Beatriz Silva

Beatriz, qual a tua idade, signo, defeito e virtude, a freguesia que representas e profissão?

Tenho 19 anos, sou do signo carneiro e considero-me impaciente e carismática. Represento a Freguesia de São Pedro da Cadeira e atualmente sou estudante.

 

O que é especial na tua freguesia e quais os pontos de interesse turístico que nos gostarias de revelar?

A Freguesia de São Pedro da Cadeira é das mais antigas do concelho de Torres Vedras, é conhecida pelas suas praias e vistas panorâmicas visíveis, por exemplo, através dos miradouros existentes nas praias da Assenta, de Cambelas e da Foz do Sizandro. Existe um porto de pesca, que penso que seja o único no nosso concelho. Destaco a tranquilidade da natureza e quanto a edifícios realço a beleza da igreja da freguesia e os tradicionais moinhos típicos da região Oeste.

 

Torres Vedras, cidade e município: o que representa para ti?

Onde nasci e cresci, considero Torres Vedras um concelho que se destaca pela diferença, devido à sua riquíssima herança patrimonial, aos eventos ao longo do ano, à excecional gastronomia e à proximidade de belas praias, que atraem imensos turistas.

O que te incentivou a participar no Festival das Vindimas?

Para além de se tratar de um concurso de beleza que envolve áreas que me cativam bastante, como a moda, a fotografia e o desfilar, considero o Festival das Vindimas uma excelente iniciativa para a preservação das nossas raízes e tradições associadas à vinha e ao vinho. Um dos motivos foi também a curiosidade de viver esta experiência e o apoio da família que ajudou a tomar a decisão de participar.

 

considero o Festival das Vindimas uma excelente iniciativa para a preservação das nossas raízes e tradições associadas à vinha e ao vinho

Fala-nos da tua experiência na eliminatória da tua freguesia.

A minha experiência na eliminatória em São Pedro da Cadeira é bastante agradável, fui bem recebida por todos os profissionais envolvidos e pelas restantes meninas que também se candidataram. Dou muito valor a esse momento porque foi onde tudo começou, dando-me a oportunidade de viver toda esta aventura.

 

Durante o Fim de semana Social o que foi mais marcante?

O Fim de semana Social é sem dúvida dos melhores momentos desta experiência. Para além das novas amizades, partilha de experiências e diversão somos realmente tratadas como verdadeiras rainhas.

Melhor momento desta experiência?

É difícil escolher apenas um momento quando vivi vários momentos ótimos… Desde a eliminatória na minha freguesia, às atividades durante o Fim de semana Social, aos ensaios e até ao exuberante espetáculo da final. Mas, claramente, destaco o momento em que soube que era eu a nova Rainha das Vindimas do concelho de Torres Vedras.

 

Beatriz Silva

Quais foram os prémios que ganhaste sendo Rainha das Vindimas de Torres Vedras?

Recebi vários prémios: um portátil, um vale da agência Clickviaja, para usufruir de uma viagem, e meses grátis no ginásio Kaloriase noWalt Street English. Todas as finalistas foram ainda presenteadas com um relógio e um workshop de automaquilhagem com a Eliane Guerra.

 

Esta experiência abriu-te portas e fortaleceu o gosto que tens pela moda e concursos de beleza?

Fortaleceu, sim, o gosto que tenho pela moda e concursos de beleza, mas não me abriu portas para algo mais, apesar de ter sido convidada para alguns desfiles.

 

Participarias novamente no Festival das Vindimas?

Sim, sem dúvida alguma!

 

Sendo este um ano especial, porque Torres Vedras e Alenquer receberam a distinção “Cidade Europeia do Vinho 2018”. Consideras este título importante para a cidade? Enquanto Rainha das Vindimas 2017, que experiências viveste no âmbito desta distinção?

2018 é um grande ano para Torres Vedras e Alenquer. Considero este título uma mais valia, permitindo demonstrar o reconhecimento destes territórios e de todo o esforço e trabalho de todas as pessoas envolvidas, desde adegas cooperativas, quintas produtoras e milhares de pequenos agricultores. Sendo Rainha das Vindimas 2017 fui convidada para ser embaixadora da “Cidade Europeia do Vinho 2018”, convite que aceitei sem hesitações, pelo que tenho marcado presença em algumas atividades. 

2018 é um grande ano para Torres Vedras e Alenquer

Deixa uma mensagen a todas as jovens do Concelho de Torres Vedras.

Se a área da moda e fotografia é algo que te interessa, vem fazer parte da tradição do nosso concelho e participa na 38ª edição do Festival das Vindimas, uma experiência única que envolve novas amizades, diversão e conhecimento. Arrisca!

 Beatriz Silva

  • Entrevista: Joana Carapeta
  • Fotos: Susana Batista
  • Onde? Torres Vedras
  • Quando? 1 de setembro de 2018