Torres Vedras

Resíduos

O Município de Torres Vedras é responsável pela recolha dos Resíduos Sólidos Urbanos (RSU) na área do município. A sua deposição é efectuada no Aterro Sanitário da VALORSUL, localizado em Cabeça Gorda- Malpique, no concelho do Cadaval.

A VALORSUL é a responsável pela recolha multimaterial dos materiais recicláveis do Município cujo destino final é, desde dezembro de 2001, a estação de triagem da VALORSUL, também localizada em Cabeça Gorda - Malpique. Os resíduos recolhidos seletivamente são depois encaminhados para reciclagem através Sociedade Ponto Verde (SPV).

O Município de Torres Vedras não fornece/coloca contentores para deposição de RSU em estabelecimentos industriais ou comerciais, razão pela qual estes devem utilizar contentores por si adquiridos e conservados, do modelo utilizado pela Câmara. Todos os pedidos para recolha de RSU em estabelecimentos industriais ou comerciais devem ser instruídos com os seguintes elementos:

  • Designação ou nome do estabelecimento;
  • Nº pessoa coletiva;
  • Sede;
  • Ramo de atividade;

Código LER, dos RSU que pretendem que a Câmara recolha e respetivas quantidades, de acordo com a Portaria n.º 209/2004 de 3 de Março, que aprova a Lista Europeia de Resíduos que abrange todos os tipos de resíduos. A remoção dos resíduos implica o pagamento de uma tarifa fixada pela Câmara Municipal, que depende da quantidade a remover.


Gabinete de Valorização de Resíduos

O Gabinete de Valorização de Resíduos visa informar, sensibilizar, apoiar, orientar, acompanhar e promover a correcta gestão de resíduos resultantes da actividade económica do concelho, minimizando o impacto ambiental associado à gestão dos resíduos, garantindo a gestão integrada e o correcto encaminhamento, potenciando a sua reciclagem e valorização.

O aconselhamento prestado pelo Gabinete é gratuito e consiste no auxílio ao diagnóstico da gestão de resíduos das empresas sedeadas no concelho de Torres Vedras.
Todas as informações concedidas pelo Gabinete são de aconselhamento e recomendação de actuação, na área da gestão de resíduos, e não possuem carácter vinculativo. Pretende-se apoiar as empresas na identificação das melhores práticas a adoptar na gestão de resíduos, privilegiando a prevenção da produção, de acordo com os princípios da hierarquia de gestão de resíduos, bem como o seu correcto encaminhamento.

Pretende-se que as organizações dêem início a um processo de melhoria da gestão de resíduos com visíveis ganhos ambientais, sociais e económicos.

Horário de atendimento (mediante marcação prévia)
terças-feira das 9h30 às 13h00
quinta-feira das 14h00 às 17h00

Contactos para marcação
Fabíola Correia 
Telefone: 261 320 730 
Endereço eletrónico: gvr@cm-tvedras.pt


TARIFÁRIO 2015


Dados estatísticos

Equipamento existente no Município de Torres Vedras 

Equipamento/infraestrutura

Quantidade

Contentores (800 e 1000 litros)

3.470

Contentores semi - enterrados de grande capacidade para RSU (3 e 5m3)

182

Ecopontos, contentor de superfície (papel, vidro, embalagens e pilhas)

417

Ecopontos, contentor semi enterrado (tipo molok)

33

Ecocentro

1

Viaturas afectas à recolha indiferenciada

14

 

Quantidade de RSU produzidos entre 2002 e 2015, em toneladas

 

Quantitativos de RSU recolhidos, em toneladas, nos anos de 2013 a 2015

 

Quantidade de resíduos recolhidos seletivamente entre 2004 e 2015, em toneladas

 

Variação da quantidade de resíduos recolhidos seletivamente, em percentagem, entre 2004 e 2015

Atualmente, a capitação no Município de Torres Vedras é de 420 kg/habitante.ano para a recolha indiferenciada e 32 kg/habitante.ano para os resíduos recolhidos selectivamente (dados 2015).