Torres Vedras

Projeto RIOS

O "Projeto Rios" visa promover a participação social na conservação dos espaços fluviais, procurando acompanhar os objetivos apresentados na Década das Nações Unidas da Educação para o Desenvolvimento Sustentável e contribuir para a implementação da Carta da Terra e da Diretiva Quadro da Água.

Lançado na Catalunha em 1997, este projeto começou a ser promovido em Portugal em 2006 pela Associação Portuguesa de Educação Ambiental, a Associação de Professores de Geografia, a Liga para a Proteção da Natureza e a Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto.

O "Projeto Rios" tem como principal objetivo implementar um plano de adoção e monitorização de 500 metros de um troço de um rio ou ribeira, de modo a promover a sensibilização da sociedade civil para os problemas e a necessidade de proteção e valorização dos sistemas ribeirinhos.

Com a aplicação prática deste projeto é possível aprender a valorizar a importância das linhas de água, implementar uma rede local e nacional através da observação, monitorização ou vigilância, visando a conservação e adoção de diferentes troços de rios.

O público-alvo é o mais alargado possível: escolas (todos os níveis de ensino), empresas, grupos de escuteiros, associações/grupos culturais, lares/centros de dia, grupos de amigos, famílias e população em geral.

Os grupos do concelho de Torres Vedras inscritos no "Projeto Rios" contam com o apoio logístico, técnico, científico e material prestado pelo Município de Torres Vedras e pela Águas de Lisboa e Vale do Tejo (empresa concessionária do Sistema Multimunicipal de Abastecimento de Água e Saneamento do Oeste).

voltar ao topo ↑